A piada dos Baianos No Exército


Dois baianos que eram primos vão servir o Exército. Chegando lá, são entrevistados pelo sargento:
— Qual o seu nome? - pergunta ao primeiro.

— É Tonho, meu rei.

— Negativo. De agora em diante, você será Antônio. E o que você está fazendo aqui?

— Tô dando um tempo.

— Negativo. Você está servindo à Pátria. E o que é aquilo? - pergunta, apontando para a Bandeira do Brasil.

— É a bandeira.

— Negativo. De agora em diante, ela é a sua Mãe.

Vira-se para o segundo e pergunta:
— Qual o seu nome?

— É Pedro.

— E o que você está fazendo aqui?

— Servindo à Pátria.

— E o que é aquilo (apontando para a bandeira)?

— É minha tia. Mãe de Tonho...


Outras Piadas de Baiano e não são da mãe do Tonho


14 Palpites são Grátis!:
Anônimo disse...

bacana, mais nem todos baianos são desa forma que vcs pesam, preguiçoso sim mais burro não

Anônimo disse...

E BACANA MSM A PIADA VC TA CERTA BAIANOS NÃO E BURRO E ESSA COISA DE MEU REI TA POR FORA NADA A VER BAIANO NÃO FALA MEU REI

Bruna disse...

Pois cara, baiano não fala MEU REI. é da origem baiana, mas por lá ninguém fala, OXENTE é o mais comum .

Anônimo disse...

Eu sou Português e nunca fui ao Brazil, pelos vistos os Baianos tem a mesma fama que uma região de Portugal, o Alentejo.
Dois alentejanos assaltam um banco, vão a fugir no carro quando um diz para o outro :
- Compadre, então vamos contar o dinheiro para dividirmos ?
resposta do outro :
- heee compadre, isso da uma trabalheira, amanha lemos no jornal quanto roubamos.

Anônimo disse...

a quem fala meu rei sao os geei

Anônimo disse...

muito bem essa piadas foi muito boa mas prefiro as de sogras

Anônimo disse...

parabens muito legau eu ri muito
legau ta, parabens mesmo

luiz disse...

parabens não é todo dia q encontramos uma piada boa hoje em dia

bahiana disse...

eu nao acheii graça..sou bahiana com muiito orgulho e vcs...falam tanto qe agente é preguiçoso é burro nada a ver..sabe porqer?
porqe nois bahianos trabalhamoz rindo..nao precisamos acorda madrugada pra irmos trabalhar e temos muita praia aqi e vcs nao tem nada disso..ai ficam falando isso...inveja mata!!
bahia é tao ruim ne qe qando chega carnaval vcs de fora curte + doqe agente qe ta aqi....falam mau mais ´pagam pau....eu nao troco minha cidade por nada e nem por estado nenhum!!

Blogante disse...

Ei "Bahiana", a propósito, o corrento não seria "baiana"?

Anônimo disse...

ha vá,quer corrigir e nem sabe!!
há próposito ''corrento'' não seria correto corrigir sem saber né?
pareçe que é baiano!!

Anônimo disse...

me fale uma qualidade q vocês dizem ter mais q nós pq se na sua terra tem coisas boas !na nossa tem em dobro e se vcs falam mal de baianos deveriam conhecer melhor antes de falar aí fica um bando de otários falando o que ñ sabe mal sabem onde é o final da rua onde mora

Anônimo disse...

eu nao acheii graça..sou bahiana e tenho mt orgulho,tds adoram falar q bahiano é preguiçoso,
nois bahianos trabalhamos rindo..nao precisamos acorda cedo pra ir trabalhar.ai ficam falando isso.a bahia é tao ruim q qando chega carnaval tds de fora curte + doqe agente q ta aqi...tenho mt orgulho de ser bahiana...

Anônimo disse...

Foram os Baianos que Ensinaram os Paulistas a Trabalhar
O termo caipira, segundo o Houaiss, designa o habitante de parte da região Sudeste, especialmente São Paulo. Indivíduo simplório, de origem rural e pouca instrução.
A melhor caracterização do caipira foi o personagem Jeca Tatu, de Monteiro Lobato. O grande escritor era natural do interior de São Paulo e sabia o que falava. O inesquecível Mazaropi também interpretou personagens (inclusive Jeca Tatu) abordando a preguiça e a ignorância dos paulistas do interior.
Na primeira metade do século 20 e boa parte da segunda, muitos baianos e nordestinos migraram para São Paulo, fugindo da seca e em busca de trabalho. Os prédios e avenidas da capital paulista foram, em grande parte, construídas por baianos, transformando a cidade na grande metrópole que é hoje.
Nas décadas de 1980/90, a Bahia investiu maciçamente em irrigação. A migração se inverteu. Fazendeiros do Sul e Sudeste buscam agora usufruir da infraestrutura baiana, junto com muitas indústrias, que não se instalam mais em São Paulo.

Piada Recomendada:

Eleja!

Responda você!


Não encontrou o que queria?
Pesquise aqui com o Google!

 
Leia + uma muito boa: