Argentino no Rio Grande do Sul


Um brasileiro entra no posto policial em São Borja, quase divisa com a Argentina. Lá ele fala ao oficial de plantão:

-Estou aqui para confessar um crime. Minha consciência não me deixa em paz.

-Bah, guri, as leis aqui são muito severas e são cumpridas e se tu confessar e for culpado não tem escapatória nem dor de consciência que te livre da cadeia!

-Atropelei um argentino aqui perto de São Borja, na estrada.

-Que é isso tchê, como você pode ser culpado? Esses argentinos vivem atravessando as ruas e as estradas a todo o momento.

-Mas ele estava no acostamento.

-Se estava no acostamento é porque queria atravessar, se não fosse tu seria outro qualquer.

-Mas não tive dignidade nem de avisar a família do homem.

-Mas tchê, se tu tivesse avisado haveria manifestação, revolta popular, passeata, policia, repressão, pancadaria e morreria muito mais gente, acho que és um pacifista, mereces uma medalha.

-Eu ainda enterrei o coitado no mesmo local, na beira da rodovia.

-Pois então, veja, tu és um grande humanista, enterrar um argentino, é um benfeitor, outro qualquer abandonaria ali mesmo para ser comido pelos animais.

-Mas quando eu estava enterrando, ele berrava : Estoy vivo! Estoy vivo!

-Tudo mentira, esses argentinos mentem muito.


2 Palpites são Grátis!:
jonatas nunes disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkk....barbaridade tchê

elisa disse...

maravilhosa......

Piada Recomendada:

Eleja!

Responda você!


Não encontrou o que queria?
Pesquise aqui com o Google!

 
Leia + uma muito boa: