Curtas: Três de Advogado.


Com a roupa suja de sangue e respiração ofegante, o cliente entra esbaforido no escritório do advogado:
-Doutor, doutor! O senhor precisa me ajudar! Acabo de matar minha mãe!
E o advogado, tranqüilamente:
-Espere um pouco. A coisa não é bem assim. Estão dizendo que você matou sua mãe.

-:- -:- -:- -:-

Um homem entra num escritório de advocacia e pergunta sobre os honorários para consultoria.
-Cinqüenta dólares por três perguntas - responde o advogado.
-Mas não é um pouco caro? - pergunta o homem.
-Realmente é - responde o advogado. - Qual é sua terceira pergunta?

-:- -:- -:- -:-

O promotor pergunta pro réu, o cara que matou a mãe na primeira piada:
-O senhor matou sua mãe?
Já devidamente orientado pelo advogado, ele responde:
-Não, eu não sou o assassino.
-O senhor sabe da pena por perjúrio, isto é, mentir no tribunal?
-Sei, sim. É muuuuito menor do que a de assassinato!


Mais conteúdo prolífico, mas não jurídico, sobre causídicos, advogados e rábulas, ou a rapidez das piadas curtas.

.


0 Palpites são Grátis!:
Piada Recomendada:

Eleja!

Responda você!


Não encontrou o que queria?
Pesquise aqui com o Google!

 
Leia + uma muito boa: